Pesquisar

Conheça os novos reitores do Seminário Menor de Guarapuava

Corações ardentes, pés a caminho” (Cf. Lc 24,32-33).

Em fevereiro de 2023, o Seminário Menor e Propedêutico Nossa Senhora de Belém, de Guarapuava, ganhou um novo reitor e também um vice-reitor. Agora, quem está à frente dos trabalhos é o monsenhor Antônio Ailson Aurélio, que volta para a mesma função que desempenhou entre os anos de 2001 e 2005, acompanhado do recém ordenado diácono Matheus Kurta. O bispo diocesano, dom Amilton Manoel da Silva, celebrou missa de abertura do ano e a apresentou os novos reitores no dia 7 de fevereiro de 2023.

Seminaristas do seminário Menor Nossa Senhora de Belém, acompanhados dos novos reitores e do bispo diocesano.

O seminário, que até então tinha como reitor o padre José Amarildo Novakoski, empossado pároco da paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Guarapuava, é o local onde os jovens que desejam se tornar padres têm os primeiros contatos com a vida na Igreja. Acompanhados por diversos formadores, tanto sacerdotes quanto leigos, recebem orientações que os ajudam a discernir sobre a própria vocação e os conhecimentos necessários para dar seguimento na caminhada religiosa.

O novo reitor

O monsenhor Antônio Ailson Aurélio não é novato na função. Natural de Palmital (PR), foi ordenado sacerdote em 12 de agosto de 2000 pelas mãos do então bispo diocesano, dom Giovanni Zerbini, SDB, e do bispo coadjutor, dom Antônio Wagner da Silva, scj. Até o ano de 2001 exerceu seu trabalho sacerdotal na paróquia São Miguel Arcanjo, no distrito de Entre Rios, como vigário. Sua formação inicial em filosofia foi na Universidade Estadual do Centro Oeste (UNICENTRO) e em teologia no Centro Interdiocesano de Teologia de Cascavel (CINTEC), em convênio com a Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Curitiba.

Entre os anos de 2001 e 2005 assumiu, pela primeira vez, a reitoria do Seminário Menor Nossa Senhora de Belém, em Guarapuava, e foi assessor da Pastoral Vocacional na diocese. Durante esse período, foi um dos responsáveis pela articulação e criação da Cáritas Diocesana e responsável pelo Comitê de Combate à Fome e a Miséria na diocese de Guarapuava.

No ano de 2005, iniciou os estudos de História e Bens Culturais da Igreja pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma, na Itália. Ao término do curso, iniciou o mestrado em História da Igreja pela mesma universidade, concluindo em 2008.

Em outubro de 2008 se tornou vice-reitor, e posteriormente reitor, do Seminário Interdiocesano de Teologia, em Cascavel (PR). Permaneceu no cargo até 2013. Durante esse período foi membro do Conselho de Formadores da Arquidiocese de Cascavel e professor de História da Igreja na Faculdade Missioneira do Paraná (FAMIPAR).

Março de 2009. Padre Antônio Ailson Aurélio toma posse como reitor do Seminário Interdiocesano de Teologia, em Cascavel (PR). Na foto, está acompanhado pelo bispo emérito, dom Giovanni Zerbini, e pelos seminaristas diocesanos da época. Foto: arquivo do Boletim Diocesano.

Se mudou novamente para Roma em 2013, para iniciar o doutorado, inspirado na vida e obra de dom João Francisco Braga, primeiro arcebispo de Curitiba (PR). Concluiu em 2017.

No dia 1º de setembro de 2016 se tornou oficial da Santa Sé no Dicastério para os Bispos, no Vaticano. Nesse período foi responsável pela análise e trâmites de documentos referentes à Igreja e aos exercícios episcopais do Brasil como, por exemplo, o acompanhamento das nomeações dos bispos. Permaneceu no cargo até 30 de novembro de 2022.

Monsenhor Antônio Ailson Aurélio e o Papa Francisco.

Em 21 de setembro de 2019 foi nomeado Capelão de Sua Santidade. O título honorífico é conferido por concessão especial a sacerdotes seculares a serviço da Santa Sé ou sob pedido do bispo da diocese a sacerdotes diocesanos considerados merecedores. No caso de monsenhor Ailson, o reconhecimento partiu do próprio Papa Francisco, que observou em seu trabalho fator importante para o crescimento e desenvolvimento da Igreja.

Vice-reitor

O diácono Matheus Kurta é o membro mais novo do clero diocesano. Nasceu no dia 3 de julho de 1997, em Guarapuava. Em 2017, deu os primeiros passos em seu discernimento vocacional no Seminário Diocesano Nossa Senhora de Belém, o mesmo onde agora assume a vice-reitoria, para cursar o Propedêutico. Em Seguida, de 2016 a 2018, fez a etapa do Discipulado no Seminário de Filosofia Bom Pastor, em Francisco Beltrão, onde estudou no Instituto Sapientia de Filosofia.

Matheus Kurta foi ordenado diácono em 11 de fevereiro de 2023, quatro dias antes de assumir a vice-reitoria do Seminário Menor Nossa Senhora de Belém. Foto: Ernesto Remlinger.

Entre 2019 e 2022, vivenciou a etapa da configuração no Seminário Maior Nossa Senhora de Belém, em Curitiba, e cursou a Teologia no Studium Theologicum, afiliado à Pontifícia Universidade Lateranense de Roma. Nesse período desenvolveu as atividades pastorais junto à paróquia Santo Antônio Maria Claret, também em Curitiba.

No dia 11 de fevereiro de 2023 foi ordenado diácono por dom Amilton Manoel da Silva, CP, na Catedral Nossa Senhora de Belém.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

plugins premium WordPress