Pesquisar

Pedro e Paulo

Celebramos neste dia, a festa de São Pedro e São Paulo. Pedro é o Pastor das Comunidades, referência da fé para os irmãos. Paulo é o líder Missionário, que forma comunidades e faz expandir a fé em todas as nações. Pedro, recorda a Igreja “Instituição”. Paulo a Igreja “Carisma”.

Na 1ª leitura (At 12,1-11), vemos São Pedro preso pelas autoridades “para agradar os judeus”. Guardado como “perigoso” por 16 homens e libertado por Deus. O texto mostra que o testemunho dos discípulos gera oposição e morte. Mostra uma Comunidade cristã unida e solidária, na oração, e Deus escuta a oração da Comunidade.


Na 2ª leitura (2Tm 4, 6-8.17-18), vemos São Paulo também preso, pela última vez, ciente da própria condenação. Paulo faz um balanço final de sua vida a serviço do Evangelho: “Combati o bom combate… terminei a corrida… conservei a fé”. Suas palavras são um “testamento espiritual” sereno e alegre, consciente do dever cumprido.


No Evangelho (Mt 16,13-19), Pedro faz a Profissão de Fé e recebe o Primado. A primeira parte, de caráter cristológico, centra-se em Cristo e na definição de sua identidade: “Tu é o Cristo, o Filho de Deus Vivo”. Na segunda de caráter eclesiológico centra-se na Igreja que Jesus convoca à volta de Pedro: “Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha igreja”. A Pedro e à Comunidade dos discípulos é confiado o poder das chaves, isto é, a autoridade para interpretar as Palavras de Jesus, às novas necessidades e situações. Pedro é, hoje, o Papa Francisco, em uma sucessão sem interrupção de 266 Papas, que continua sendo sinal de unidade e comunhão na fé.

Em que sentido Pedro e Paulo tem me inspirado na missão evangelizadora?

Bom domingo!
Deus te abençoe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias

plugins premium WordPress